Registro Crefito: 3/7070-SP - Tel (11) 2532-0272 e WhatsApp (11) 98123-0800

img-transparent.gif

TEA (Transtorno do Espectro Autista)
 

 

O transtorno do espectro autista é um transtorno complexo do desenvolvimento que engloba o transtorno autista (autismo), o transtorno de Asperger, o transtorno desintegrativo da infância, o transtorno de Rett e o transtorno global do desenvolvimento sem outra especificação (DSM-V), caracterizado pelo comprometimento da qualidade das habilidades comportamentais, nas áreas de interação social e linguagem, incluindo uma serie de sintomas motores, emocionais, sensoriais e cognitivos.

 

Devido a tais características de síndrome comportamental originalmente orgânica, torna-se um campo vasto para contribuição da Psicologia.

 

Psicologia ABA

A Clínica RNA trabalha com o método ABA, (Applied Behavior Analysis), Análise do comportamento aplicada. Uma abordagem da Psicologia que vem sendo amplamento utilizada com crianças com diagnóstico de Autismo. 

 

Estudos mostram que a intervenção ABA têm se mostrado bastante eficaz no tratamento, principalmente em casos mais graves de Autismo.

 

Os profissionais psicólogos da clínica RNA passam a atuar no aprimoramento da interação social e ritos de passagem através da escolha de brinquedos, brincar compartilhado e conto de história. Funções executivas através dos treinos das seguintes atividades: labirintos, completar figuras e ligar pontos.

 

Ampliação do vocabulário descrevendo e nomeando objetos com o auxilio de ferramentas de comunicação por troca de figuras (PECS). Aprimorando o comunicar-se funcionalmente, responder perguntas iniciadas por quem e onde, aprender a responder sim e não. Aprender a seguir instruções através de brincadeiras. Aprendizado da discriminação de verbos, partes do corpo, emoções, cores dos objetos, formas geométricas e o próprio nome. Desenvolvimento das habilidades de imitação por base de estimação e habilidades de correlacionar utilizando: quantidade com número, categoria, objetos com função, palavras com suas respectivas letras iniciais.

 

Fonoaudiologia ABA

A fonoaudiologia é uma das áreas mais importantes no Tratamento da criança autista, porque ela é a área de estudo que se dedica ao desenvolvimento da comunicação, da linguagem e das habilidades de aprendizagem da criança.

 

Na intervenção fonoaudiológica existem muitas ferramentas e estímulos positivos, que podem ser utilizados com a Análise do Comportamento aplicada (ABA), para alcançar ótimos resultados no desenvolvimento da linguagem e comunicação da criança.

 

Porque você deve realizar fisioterapia aquática para crianças com autismo!

 

Existem diferentes tratamentos que podem ser realizados para ajudar crianças com autismo. Quando uma criança é diagnosticada com essa condição, os especialistas médicos criam um programa de terapia que pode ser usado no processo de tratamento. Uma das formas mais eficazes de terapia é a terapia aquática.

 

É uma terapia recreativa que envolve o uso da água e desempenha um papel importante na melhoria da qualidade de vida da criança e na produtividade. Os terapeutas usam atividades aquáticas especificamente projetadas para ajudar na restauração, melhoria e aprimoramento das funções de qualidade de uma criança com autismo.

 

Benefícios que se destacam:

 

Auxilia a lidar com questões sensoriais

As crianças que tem autismo geralmente têm dificuldades sensoriais significativas que geralmente são muito distraíveis. As crianças costumam ter fortes reações a diferentes texturas e estímulos no ambiente. O terapeuta começa avaliando a temperatura da água, assim como o ruído e outras distrações na água. Quando todos os fatores são levados em consideração, a água ajuda a proporcionar um ambiente seguro que apoia a criança e ao mesmo tempo fornece a pressão hidrostática necessária. Muitas crianças são capazes de tolerar melhor o toque após a terapia aquática.

 

Melhora as habilidades sociais da criança

As sessões de terapia em grupo podem ajudar as crianças com autismo a melhorar suas habilidades sociais. O treinamento inclui sessões que visam habilidades específicas. Durante essas sessões de grupo, as crianças trabalham com o terapeuta e outras crianças. Eles aprendem a se envolver com seus companheiros de grupo, enquanto também compartilham brinquedos e equipamentos. Ao experimentar brincadeiras cooperativas e competitivas, as crianças desenvolvem uma melhor atitude mental e aumentam a autoconfiança. Os médicos relatam uma melhora substancial no início e na manutenção do contato visual durante e após as sessões de terapia.

 

Ajuda com melhorias cognitivas

A terapia aquática pediátrica pode ajudar crianças com autismo a melhorar sua concentração e atenção. A terapia se concentra no movimento funcional baseado em brincadeiras, facilitando o crescimento do desenvolvimento neurológico e melhorando a amplitude de movimento. A terapia melhora a consciência corporal, além de ajudar as crianças a se divertirem. A sessão individual pode ajudar crianças com autismo quando se trata de controle de impulsos, capacidade de seguir instruções e tolerância à frustração. Existem numerosos benefícios da terapia aquática e os especialistas são capazes de ensinar às crianças sobre segurança da água.

Apesar dos benefícios, é importante garantir uma supervisão intensa quando essas crianças estão na água, especialmente por as crianças com autismo apresentarem natureza distraída e muitos serem hiperativos.